SECURITIZAÇÃO

Um processo estruturado e coordenado por uma companhia securitizadora, por meio do qual os créditos imobiliários são empacotados e convertidos em valores mobiliários, passíveis de negociação no mercado financeiro e de capitais.

Os CRIs são títulos que representam dívidas vinculadas a financiamentos ou a aluguéis de imóveis comerciais ou residenciais. São papéis de longo prazo, emitidos de forma escritural por companhias securitizadoras. Seu registro e negociação ocorrem por meio da CETIP e a CBLC.

Contratos de Compra e Venda; Contratos de Locação de Imóveis Comerciais ou Residenciais; Dívidas Corporativas, tais como CCB ou Debêntures; Cessão de Direito Real de Superfície ou Comodato

Trata-se de uma mudança no modelo clássico de intermediação financeira. Os CRI possuem como amparo legal a Lei 9.514/97, sendo as companhias Securitizadoras supervisionadas pela CVM.

exemplo_destaque

CRA

Certificado de Recebíveis do Agronegócio
– Produtores rurais
– Distribuidores
– Fornecedores de insumos
– Demais companhias da cadeia do agronegócio

image_desenvolvimentoimob

CRI

Certificado de Recebíveis Imobiliários
– Residencial e Loteamento
– Corporativo e projetos
– Built to suit
– Sale and Leaseback

image_sec

SECURITIZAÇÃO DE CRÉDITOS

FIDC e Debentures
– Credito Financeiro
– Credito comerciais

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar